Ter um animal de estimação é o desejo de muitas pessoas, que podem desenvolver pelo bichinho um carinho especial. Mas você sabia que ações como a adoção de pets melhoram a nossa saúde? 

 

Quem nunca viu filmes e séries especializadas na vida de cães e gatos, não é mesmo? Independentemente das espécies, os animais são responsáveis por nos proporcionar momentos inesquecíveis, marcando a memória de crianças e de adultos. 

 

Os bichos de estimação estão presentes por todo o Brasil, e a quantidade deles chega a impressionar: segundo o Instituto Pet Brasil, em 2018 foram contabilizados mais de 54 milhões de cães, 39 milhões de aves, 24 milhões de gatos e 19 milhões de peixes. 

 

Vale ressaltar que essa quantidade não para de crescer. Entre 2013 e 2018, os números saltaram de 132 milhões para 139 milhões de bichos de estimação, sendo que essa contagem ainda adiciona répteis e outros mamíferos pequenos. 

 

Não à toa, o número de estabelecimentos especializados na venda de produtos para pets já passou dos 31 mil em todo o Brasil.

 

Em relação aos cuidados com os bichinhos, a quantidade de consultórios, de clínica veterinária 24 horas e de hospitais específicos atingiram as 28.020 unidades de atendimento. 

 

Tudo isso mostra o quanto os pets foram conquistando espaço na nossa rotina, de maneira que a demanda por soluções para cuidar desses bichinhos surgem continuamente, sendo promissoras também em relação ao faturamento: R$ 34 bilhões anuais do setor.

 

Negar o valor que os pets possuem atualmente é impossível. Mas há um cenário importante que sempre precisou de atenção: o de abandono de animais. 

 

É cada vez mais comum vermos campanhas de adoção, que estimulam quem quer ter um pet a cuidar desses bichinhos que ainda não possuem um lar. 

 

Além de ser uma ação solidária, ela também traz benefícios pessoais, sendo importante para melhorar a nossa saúde. Ficou curioso sobre o assunto? Então siga na leitura deste conteúdo e saiba mais sobre o tema. 

A importância de adotar um pet

Certamente, você já viu anúncios oferecendo animais para adoção, onde os responsáveis oferecem até mesmo o vermífugo e alguns exames laboratoriais para gatos e cachorros, de maneira que o novo dono não tenha tantos gastos iniciais com o novo integrante da família. 

 

O controle de natalidade de animais sempre foi um tema importante na sociedade, de forma que a castração é cada vez mais incentivada. 

 

Como as ninhadas de cachorros e gatos podem gerar um grande número de filhotes, é essencial que eles possam ter um lar e, com essa medida, evita-se o abandono de animais. 

 

Por isso, é cada vez mais comum encontrar feiras de adoção, que visam unir os animais disponíveis às pessoas interessadas em cuidar deles. 

 

Há diversos motivos para que se opte pela adoção de um pet, sendo alguns deles:

 

  • Salvar a vida de um animal;

  • Economizar na compra de um filhote;

  • Escolher a idade do bicho;

  • Melhorar a sua saúde.

 

Ao optar pela adoção de um animal, você pode estar salvando a vida dele, retirando-o de uma situação de risco nas ruas ou de maus tratos. 

 

Além disso, encontrar um animalzinho que esteja sendo doado faz com que você economize dinheiro, uma vez que não precisa investir na compra de um filhote. 

 

Dessa forma, você pode investir na compra de uma casinha, um canil em ferro, comedouros e outros produtos especiais para o pet. 

 

Outro ponto relevante é que, ao visitar uma feira de adoção, é possível escolher a idade do animal. Sendo assim, você pode optar por um filhote, um adulto ou um cão idoso, por exemplo. 

 

Por fim, o ato de adotar um animal pode trazer benefícios para a sua saúde, tanto a física quanto a psicológica, tomando uma decisão recompensadora.  

Quais cuidados devemos ter com a saúde do pet?

Assim como é essencial escolher uma escola particular integral para matricular uma criança, cuidar de um animal de estimação também inclui ter responsabilidade com ele. 

 

Dessa forma, saber quais são os cuidados mais importantes que devemos ter com a saúde do bichinho é essencial para que ele esteja sempre bem, crescendo e se desenvolvendo de modo saudável. 

1. Manter as vacinas sempre em dia

Tal como nos humanos, os pets também precisam tomar vacinas periódicas, que reforçam a proteção deles contra as doenças comuns de cada espécie. 

 

A vacina antirrábica, a pentavalente, a contra a giárdia e a de gripe são as mais comuns, e devem ser aplicadas anualmente para evitar a contaminação por diferentes vírus e bactérias. 

2. Levar em consultas veterinárias

Acompanhar de perto a saúde do seu pet é essencial, de maneira que é importante levá-lo para consultas de rotina, que podem detectar qualquer possível problema. 

 

Esse cuidado também ajuda a acompanhar o desenvolvimento do seu animal de estimação, com as indicações e sugestões que o veterinário fará no atendimento. 

3. Cuidar da alimentação

Mesmo que o seu cachorro queira um petit four com goiabada que você está degustando, é sabido de que esse não é o tipo de alimento adequado para ele. 

 

Por isso, saber o que ele pode consumir e quais as quantidades ideais são informações fundamentais para evitar a obesidade no animal, além de prevenir uma série de quadros que podem comprometer a qualidade de vida do pet. 

 

Todas essas ações contribuem para o bem-estar seu animal de estimação. Sendo assim, não deixe de colocá-las em prática e garanta a saúde do seu bichinho.

Os pets e a nossa saúde

Como mencionado, os pets podem trazer benefícios para a saúde humana. Mesmo que por muito tempo eles tenham sido considerados até mesmo perigosos, atualmente se sabe de uma série de vantagens de ter um animalzinho em casa. 

1. Os pets ajudam a evitar a depressão

Uma das doenças psicológicas mais comuns do nosso tempo é a depressão, quadro que traz sofrimento e sensação de solidão constante. Mas tudo isso pode ser mudado com a presença de um pet na sua vida.

 

Isso porque eles são carinhosos e gostam de estar sempre ao lado do dono, o que faz com que quadros como a depressão e a ansiedade sejam superados mais facilmente. 

2. Os pets ajudam a evitar o sedentarismo

Se você já estava pensando em se matricular em uma academia ou em um treinamento funcional para obesos, saiba que a presença de um bicho de estimação pode mudar os seus hábitos sedentários. 

 

Afinal, eles adoram passear e possuem energia para brincar por boa parte do dia, o que ajuda qualquer pessoa a se manter ativa por um maior período de tempo. 

3. Os pets ajudam a combater o estresse

Quem tem uma rotina tomada de trabalho e de tarefas cansativas pode ter o estresse como companheiro constante. Que tal mudar essa companhia e adotar um pet para aliviar essa tensão?

 

É verdade que os animais de estimação nos oferecem momentos de alegria e de conforto, mas também sabem como tirar qualquer família da rotina. Por isso, são ótimos para ajudar a aliviar o estresse de cada dia. 

4. Os pets ajudam no desenvolvimento psicológico das crianças

Outro benefício que os pets podem trazer para a saúde humana é o desenvolvimento psicológico de crianças pequenas, ajudando-as a ter maior responsabilidade com os cuidados na alimentação e na higiene dos animais. 

 

Ao mesmo tempo, também ajudam no amadurecimento infantil, uma vez que os pequenos aprendem a lidar com situações de doenças e também com a morte dos bichinhos. 

5. Os pets ajudam a desenvolver a imunidade

Quem tem um pet desde criança pode ser um adulto muito mais saudável. Isso porque o contato com os bichinhos auxilia qualquer pessoa a desenvolver a imunidade, além de evitar a presença de alergias. 

 

Por isso, não se preocupe tanto com a limpeza assoalho madeira, e desfrute dos benefícios que os animais de estimação oferecem para fortalecer a sua saúde. 

 

Essas são apenas algumas das principais vantagens que ter um pet pode trazer para a saúde humana, de forma que garantir a presença deles na nossa rotina é uma atitude positiva em vários sentidos. 

Considerações finais

Como é possível perceber, a presença de um animal de estimação pode ser enriquecedora em muitas situações, fazendo com que tenhamos uma saúde melhor desenvolvida e uma rotina mais equilibrada. 

 

Por isso, a decisão de adotar um pet é importante e deve ser tomada com consciência, uma vez que ela envolve cuidados especiais com esses bichinhos. 

 

Investir em uma boa alimentação, dar as vacinas em dia, levar em consultas e encontrar um hotel para cachorro idoso em caso de viagem, são apenas algumas das responsabilidades envolvidas nessa relação. 

 

Sendo assim, se você está disposto a cuidar do seu pet e da sua saúde ao mesmo tempo, procure um animal de estimação o quanto antes e desfrute de uma rotina mais agradável e cheia de amor. 

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.