Dia 21 de junho começa a estação mais fria do ano no Brasil e com ela, chegam também muitas dúvidas na cabeça de mães e pais de pets: “posso dar banho nos meus pets no inverno? Como mantê-los limpinhos sem fazê-los passar frio?” 

Para saber como manter seu cãozinho ou gatinho limpinho durante toda essa estação sem comprometer a saúde e a qualidade de vida dele, continue lendo esse post e descubra as melhores dicas! 

Banhos em cães 

O banho em cães no inverno, especialmente se for em casa, deve ser feito com água morna sempre seguidos de uma secagem muito cuidadosa e completa. Comece secando-o com uma toalha e após use um secador em uma temperatura adequada, não muito quente para não acabar queimando o bichinho. E claro, se o seu cãozinho for mais peludo, o cuidado com a secagem dos pêlos que ficam nas áreas mais “escondidas” como orelhas e patas deve ser ainda maior. 

Além disso, certifique-se de que o cão molhado não terá contato com ventos frios logo após o banho, pois isso pode acabar causando um choque térmico no pequeno e opte por banhos em dias mais quentes e ensolarados. 

Um ponto a ser levado em consideração é que pet shops geralmente possuem um ambiente mais preparado e adaptado para banhos em cães de todos os tamanhos e pelagens de maneira segura. Então, é interessante optar por levá-lo a algum pet shop de confiança sempre que possível. 

Abaixo, temos mais dicas sobre banhos em cães no inverno:

  • Para banhos com profissionais, escolha um pet shop de confiança em que o seu cachorro se sinta confortável;

  • O banho semanal pode retirar a oleosidade natural da pele, o que pode gerar coceira, descamação da pele e alergias. Cuidado! O ideal é um banho por mês, mas se seu cãozinho gosta de parques e passeios frequentes isso pode mudar.

  • A escovação de pelos deve estar na rotina, principalmente, em pelagens médias e longas; isso ajuda a remover sujeiras, espalhar o óleo natural e prevenir os nós.

  • Os filhotes podem começar a rotina de banho após quarenta dias de vida, mas apenas se todas as vacinas foram aplicadas.

Banhos em gatos 

O ideal é que não sejam dados banhos com frequência nos felinos, isso porque os gatos possuem línguas com uma textura específica que auxiliam na limpeza dos pêlos, nesse caso podemos dizer que eles tomam banho sozinhos. Por isso, o intervalo para banhos em gatos pode variar de 5 semanas até 6 meses e se for dado com mais frequência, pode até mesmo causar problemas na saúde do seu bichano. 

Banhos em casa devem ser rápidos e tranquilos. Para isso, é importante ter todos os produtos em mãos, para não largar o seu gatinho sozinho. Então, antes de começar o banho, organize todos os produtos que você vai precisar, como toalhas, shampoo e escovas. E claro, sempre mantendo o cuidado com a temperatura do ambiente, da água e do secador!

Pet limpo com segurança!

Banhos são essenciais para manter a saúde e a higiene dos peludinhos, principalmente se os mesmos frequentam o sofá e a cama junto com seus humanos. Porém, é indispensável que sejam tomados os cuidados necessários para que o banho ocorra com segurança, sem nenhum prejuízo ao bem estar do pequeno, principalmente na época mais fria do ano. 

Além disso, é importante consultar um médico veterinário sempre que houver mais dúvidas em relação a banhos no seu cão ou gato, já que cada caso é único.

Para além dos cuidados no banho, conheça a Nofaro: a maneira inovadora de garantir saúde e proteção para o seu filho de quatro patas através de planos de saúde pet. Consultas, cirurgias, exames e muito mais por um valor que cabe no seu bolso. Clique abaixo e conheça! 

 

Conheça os planos de saúde da Nofaro!