É comum que gatos retirados muito cedo da ninhada mordam mais forte porque não foram repreendidos pela mãe e pelos irmãos quando machucavam ao morder, não tendo, assim, a medida de qual força pode ser imposta na boca para não machucar durante a brincadeira. Por isso, se você sente dor com essas mordidinhas, estimule o seu gatinho a brincar* sem machucar e, quando isso ocorrer, encerre o jogo (mas jamais o agrida ou grite com ele!). Também nunca faça carinho no seu gato após ele morder e machucar você, pois, apesar de muitas pessoas reagirem assim com o intuito de desfocar a atenção do bichano e acalmá-lo, ao afagá-lo, ele entende que o comportamento de morder com força está agradando o seu dono.

Portanto, insista em educá-lo e, principalmente, em brincar com ele, pois deixá-lo carente não melhorará o seu comportamento. Dessa forma, evite jogos que estimulem o comportamento de mordidas; foque em brinquedos, para o felino liberar a energia no objeto e não em você; caso perceba excitação, reduza a intensidade do jogo. Assim, com o tempo, o seu gatinho conseguirá compreender qual tipo de demonstração de afeto o agrada, parando de mordê-lo com força e demonstrando todo o seu amor da melhor maneira possível.